As inscrições para as visitas técnicas do XXI ENCOB já estão abertas

13/10/2019

 

Em parceria com a Itaipu Binacional foram selecionados 8 roteiros para as visitas técnicas do XXI ENCOB. As atividades serão realizadas simultaneamente. ​ 

 

Requisitos para participação: estar inscrito no XXI ENCOB

 

O inscrito  deverá preencher o formulário especifico para visita técnica (na interface de inscrição do ENCOB) preenchendo todos os dados solicitados (nome, RG, CPF, data de nascimento, nome da mãe).  

 

Selecionar a visita e o dia que deseja participar. As visitas técnicas ocorrerão no mesmo horário, concomitantemente. (cada participante poderá se inscrever apenas em um roteiro por dia).  

 

ATENÇÃO AO PREENCHIMENTO CORRETO DO FORMULÁRIO. Qualquer divergência poderá impedir o EMBARQUE do inscrito e acesso ao local pretendido para visitar.  

 

As inscrições para as visitas técnicas ocorrerão, impreterivelmente, até o dia 17/10/2019 a 00:00.  

 

Em estrito cumprimento às normas da Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu e da Itaipu Binacional, os participantes do XXI ENCOB que não se inscreverem para as visitas técnicas até a data limite do dia 17/10/2019 não poderão participar das atividades.  

 

O inscrito deverá comparecer ao ponto de Embarque do Hotel Rafain Palace com 15 minutos de antecedência (7h15), portando seu crachá de inscrito e documento de identificação constando o número da identidade e CPF digitados no formulário de inscrição.

 

Roteiros

 

VISITA 1. Gestão integrada de resíduos sólidos (Santa Terezinha de Itaipu) 

Descrição: visita técnica à unidade modelo de triagem de resíduos sólidos do município de Santa Terezinha de Itaipu. Os participantes irão conhecer como se dá o trabalho associativo dos catadores, a importância das parceiras entre o poder público (prefeituras), a iniciativa privada e governamental juntamente com a organização dos próprios catadores. O barracão é referência regional e nacional e funciona atualmente como um centro de capacitação para os demais municípios, tornando-se uma estrutura educadora.  ​ 

Conteúdos: gestão integrada de resíduos sólidos, coleta seletiva, educação ambiental, segurança hídrica, parcerias institucionais, inclusão social, desenvolvimento territorial sustentável.  


VISITA 2. Refúgio Biológico Bela Vista 

Descritivo: os participantes irão percorrer com técnicos da Itaipu as trilhas da fauna e da flora do Refúgio Biológico Bela Vista, uma estrutura voltada à conservação da biodiversidade, à pesquisa e ao turismo educativo. Além das trilhas e seus conteúdos específicos também será visitada a Casa da Semente e a produção de mudas que são usadas nos reflorestamentos da região incluindo as ações do Programa de Gestão de Bacias Hidrográficas.​ 

Conteúdos: conservação da biodiversidade (fauna e flora), reprodução assistida de espécies ameaçadas, seqüestro de carbono, reflorestamento. ​ 

​ 
VISITA 3. Gestão de Bacias Hidrográficas (Itaipulândia/Missal) 

Descritivo: os participantes irão conhecer através de um gestor de bacias da Itaipu as ações realizadas através dos convênios estabelecidos entre a Itaipu e os Municípios que compõem seu território de abrangência, tais como adequação de estradas, recuperação de nascentes, reflorestamento, abastecedouros comunitários, educação ambiental com os agricultores, entre outros. ​ 

Conteúdos abordados: conceito de microbacia e bacia hidrográfica, ações para a segurança hídrica (recuperação de nascentes, recomposição da mata ciliar e cerca, adequação de estradas, terraceamento, abastecedouros comunitários) convênios Itaipu e Municípios, parcerias institucionais, educação ambiental e desenvolvimento territorial sustentável. 
 
VISITA 4. Usina de Itaipu – Planta de Biogás e Mobilidade Elétrica Sustentável (Central Hidrelétrica de Itaipu) ​ 

Descritivo: Os participantes irão conhecer a Unidade Geradora de Biogás que fica dentro a Usina Hidrelétrica de Itaipu, uma parceria da Itaipu com o Centro Internacional de Biogás do Parque Tecnológico. A unidade serve de referência para a construção de outras unidades e realiza um trabalho de pesquisa e desenvolvimento. O biogás produzido é utilizado em parte da frota da Itaipu. Na sequência será realizada a visita ao Centro de Mobilidade Elétrica Sustentável da Itaipu que, em parceria com diversas instituições e o Parque Tecnológico, realiza a fabricação de transportes elétricos e o desenvolvimento de baterias.​ 

Conteúdos: gestão integrada de resíduos, desenvolvimento territorial, veículos elétricos, pesquisa e desenvolvimento de baterias, combate às mudanças climáticas, emissão zero, smart grid e parcerias institucionais. 

 
VISITA 5. Parque Nacional do Iguaçu (Foz do Iguaçu) 

​ 
Descritivo: Visita ao Parque Nacional do Iguaçu e Cataratas do Iguaçu, história do Parque, importância das Unidades de Conservação e recursos hídricos do PNI.  

Conteúdos: conversação da biodiversidade, turismo sustentável e recursos hídricos. 

 
VISITA 6. Agricultura familiar e orgânica (Foz do Iguaçu) 
​ 
Descritivo: os participantes irão conhecer uma propriedade orgânica modelo no município de Foz do Iguaçu e, juntamente com o dono da propriedade e um técnico do Programa de Desenvolvimento Rural Sustentável da Itaipu, obter informações sobre esse tipo de agricultura e seus desdobramentos.  

Conteúdos: agricultura sustentável,  Rede ATER (Assistência Técnica e Extensão Rural), conservação da biodiversidade, segurança hídrica, segurança alimentar, certificação participativa, parcerias institucionais.
 

VISITA 7. Ecomuseu 
​ 
Descritivo: visita ao Ecomuseu de Itaipu acompanhada por uma museóloga da Itaipu que irá apresentar o acervo e conteúdos de forma mais aprofundada. O Ecomuseu é uma estrutura educadora da Itaipu e visa preservar a memória institucional da Itaipu e do território aliada a preservação ambiental.  ​ 

Conteúdos: memória, cultura, patrimônio, conceito de ecomuseu, território e desenvolvimento cultural, acervo histórico da Itaipu e região. 

 
VISITA 8. Canal da Piracema, Laboratório de Ictiologia e Bioflocos  

Descritivo: a visita guiada por um bióloga da Itaipu irá apresentar o canal da piracema e seu funcionamento detalhado, as pesquisas desenvolvidas pelo laboratório na marcação de espécies e a tecnologia dos bioflocos (BFT) que utiliza partículas suspensas como uma espécie de filtro biológico, deixando a água sempre em condições para o cultivo de peixe.  ​ 

Conteúdos: reprodução e migração de peixes, conversação da biodiversidade, usos múltiplos do reservatório, pesquisa e desenvolvimento, bioflocos.

 

 

Informações importantes: 

Horário de embarque: 07:30

Local de embarque: Entrada do Hotel Rafain Palace

 

Datas

22 de outubro de 2019 (TERÇA-FEIRA) 
23 de outubro de 2019 (QUARTA-FEIRA)

 

Duração da Visita: 07h30 até às 12h00

Vagas: Serão disponibilizadas 40 vagas por Visita (por dia). 


AS VAGAS PARA CADA VISITA SERÃO PRENCHIDAS POR ORDEM DE CHEGADA.

Recomendações: É aconselhável que os participantes usem roupas confortáveis, tenis, boné e protetor solar.

 

 

 

SE VOCÊ JÁ SE INSCREVEU NO XXI ENCOB

Acesse a interface de inscrição e clique em ADICIONAR VISITA.
Se você já se inscreveu em uma oficina clique no botão editar ou alterar localizado na coluna ações ao lado da sua atual opção de atividade

 

 

SE VOCÊ AINDA NÃO SE INSCREVEU NO XXI ENCOB

Clique aqui e se inscreva no evento, e no final do processo de inscrição, clique em finalizar para acessar a interface de inscrição, oportunidade em que deverá clicar em ADICIONAR VISITA.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload