XXI ENCOB 2019 - Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas - Gestão das Águas - #Falacomitê - 21 a 25 de outubro de 2019 - Foz do Iguaçu - PR - Inscreva-se Gratuitamente

GESTÃO DAS ÁGUAS | #FALACOMITÊ

Mensagem dos realizadores

governador.jpg

Governador do Estado do Paraná

secretario.jpg

Secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo do Paraná

Hideraldo-Buch---Coordenador-Geral-do-FN

Coordenador do Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas

O evento será executado baseado em 3 (três) temas atuais e de importância estratégica para a gestão dos recursos hídricos junto aos Comitês de Bacias Hidrográficas, quais sejam:

A) Instrumentos de Gestão: implementação, eficácia e monitoramento, qual o papel dos Comitês de Bacia.

B) Segurança Hídrica, como os Comitês de Bacia estão se planejando

C) Planejamento político institucional nos Comitês de Bacia, como estamos nos fortalecendo no Sistema

Após contextualização dos temas, serão apresentados e debatidos, dois cases por Região do país, Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste

A realização do ENCOB tem apontado para a participação de representantes de todos os entes do Sistema Integrado de Recursos Hídricos do Brasil, ou seja, nestes eventos, de forma com-partilhada, Poder Público, Usuários, ONGs, Universidades, Municípios, e todos aqueles interes-sados no tema água, tem a oportunidade de trocar ideias, apresentar experiências exitosas de boa gestão dos recursos hídricos e fundamentalmente, conhecer os modelos atualmente apli-cados nos Estados brasileiros no que se refere ao gerenciamento das águas. São esperadas aproximadamente 1.500 pessoas ligadas a comitês de bacias hidrográficas e outros interessa-dos pelo tema.


Desde o anos de 1998, quando numa reunião realizada na cidade de Porto Alegre/RS, representantes de cinco Estados brasileiros definiram a necessidade de trocar experiências entre os vários Comitês de Bacias que vinham sendo implantados no país.

Paralelamente a este grande cenário de integração e compartilhamento de ações efetivas na gestão das águas, o ENCOB ainda tem fomentado a discussão da gestão das águas transfron-teiriças e das águas subterrâneas, o que tem trazido inúmeros técnicos e representantes de outros países para participar do evento.

Assim, possibilita que os Comitês de Bacias Hidrográficas identifiquem as oportunidades e de-safios para a promoção da gestão integrada das águas, de forma participativa e descentralizada, de modo a apontar para a toda a sociedade a efetiva sustentabilidade dos recursos hídricos, é um dos principais objetivos desse grande encontro.

Além desse, integrar todos os organismos e segmentos que compõem e participam do Sistema Nacional de Recursos Hídricos, sejam públicos ou privados, visando possibilitar a discussão participativa e compartilhada no setor, também passa a ser uma das nossas preocupações, como também, discutir os cenários futuros no que se refere aos recursos hídricos no Brasil vi-sando estabelecer metas e diretrizes para a efetivação das políticas públicas ligadas à água em interface como desenvolvimento.

Dessa forma, o FNCBH pretende realizar um grandioso encontro no Estado do Paraná, para integrar cada vez mais os Comitês de Bacias Hidrográficas de todo Brasil, as discussões acerca dos conflitos pelo uso da água e promover o fortalecimento do Sistema Nacional de Gerencia-mento dos Recursos Hídricos.

Objetivos

Os objetivos primordiais das edições do ENCOB são:

  • Possibilitar que os Comitês de Bacias Hidrográficas identifiquem as oportunidades e desafios para a promoção da gestão integrada das águas, de forma participativa e descentralizada, de modo a apontar para toda a sociedade a efetiva sustentabilidade dos recursos hídricos; 

 

  • Integrar todos os organismos e segmentos que compõem e participam do Sistema Nacional de Recursos Hídricos, sejam públicos ou privados, visando possibilitar a discussão participativa e compartilhada no setor.

 

  • Discutir os cenários futuros no que se refere aos recursos hídricos no Brasil visando estabelecer metas e diretrizes para a efetivação das políticas públicas ligadas à água em interface como desenvolvimento.

 

  • Destacar a importância da comunicação e mobilização nos processos de gestão das águas no Brasil pelos Comitês de Bacia, fundamentalmente pelo alcance proporcionado pelos organismos de mídia na referência às experiências exitosas já identificadas.

 

  • Discutir amplamente os compromissos e responsabilidades dos entes do Sistema Nacional de Recursos Hídricos visando a otimização das ações de preservação da qualidade e quantidade de nossas águas.

  • Estabelecer elos entre a boa gestão dos recursos hídricos na sua recuperação e preservação a saúde das populações.
     

  • Debater a interface e integração das políticas federal e estaduais compartilhadamente com os Municípios, apontando as ações necessárias para a implementação de programas e serviços que tragam a recuperação e conservação das águas.

Público-alvo

Representantes do Poder Público municipal, estadual e federal, Usuários, ONGs, Universidades, e todos aqueles interessados no tema, os quais têm a oportunidade de trocar idéias, apresentar experiências exitosas de boa gestão dos recursos hídricos e fundamentalmente, conhecer os modelos atualmente aplicados nos Estados brasileiros no que se refere ao gerenciamento das águas. Graças ao cenário de integração e compartilhamento de ações efetivas na gestão das águas, o ENCOB ainda tem fomentado a discussão da gestão das águas transfronteiriças e das águas subterrâneas, o que tem trazido inúmeros técnicos e representantes de outros países para participar do evento.